Wrap-up: Rebelião em Lisboa 27 de Setembro de 2019

Pela primeira vez no nosso País, mais de 500 pessoas bloquearam uma avenida principal de Lisboa, num acto de desobediência civil.

Durante mais de 4 horas conseguimos travar o trânsito e abrimos jornais com um alerta muito claro: a nossa casa está a arder. Sabemos o que fazer para apagar este fogo e no entanto a casa continua a arder.
Fazemos o que fazemos por amor a todas as outras habitantes da casa que partilhamos. Porque todas devem saber não só o risco que corremos como também as soluções que existem para apagar este fogo.

Continue reading “Wrap-up: Rebelião em Lisboa 27 de Setembro de 2019”

Tudo que precisas de saber sobre a Rebelião em Lisboa

Para ter a certeza que tens tudo pronto para hoje, fazemos-te aqui um resumo de tudo o que temos publicado na página Extinction Rebellion Portugal e que deves saber para hoje.

Hoje paramos para mudar tudo. Paramos porque a casa está a arder e o fazemos por amor a todos os outros habitantes da nossa casa comum. Fazemo-lo para impedir que esta governação impeça as gerações presentes e as futuras de poder usufruir dum luxo de que a humanidade desfruta desde a existência da civilização: um planeta digno.

Reivindicamos:
– Declaração de emergência climática e ecológica
– Neutralidade carbónica até 2030 e parar a perda de biodiversidade
– Criação de Assembleias de Cidadãos

Seguimos os 10 princípios do Extinction Rebellion:
// 1. Temos uma visão partilhada de mudança
// 2. Definimos a nossa missão naquilo que é necessário
// 3. Precisamos de uma cultura regenerativa
// 4. Desafiamos abertamente o nosso sistema tóxico
// 5. Valorizamos a reflexão e aprendizagem
// 6. Congratulamo-nos com todos e cada parte de cada um
// 7. Activamente mitigamos o poder
// 8. Evitamos culpar e envergonhar
// 9. Somos um movimento não-violento
// 10. Baseamo-nos na autonomia e na descentralização

Implicações legais que deves saber: Apoio Legal

Materiais a levar:

– Material básico de campismo: Tenda, saco de cama, cobertor
– Garrafa de água reutilizável (talvez 2)…com água 🙂
– Comida prática para 1 refeição ( p.ex: 2 sandes, fruta, etc)
– Snacks (amendoins, cereais, barras energéticas, chocolate, …)
– Roupa e calçado: confortáveis, uma muda de roupa mais quente também
– Chapéu/Boné/Lenço
– Um livro 🙂
– Medicação básica ou específica (se for o caso) & pensos ou tampões
– Protector solar (se tiveres pele mais sensível)
– Dinheiro (pelo menos 10€, poderá dar jeito para refeições)
– Lanterna (se tiveres)
– Powerbanks (se tiveres)
– Cinzeiro portátil (se fumares)
– Desodorizante e escova/pasta de dentes
E por fim, não tragas jóias, objectos que possam incitar à violência (facas, por exemplo), drogas, e qualquer material que não cumpra os princípios que seguimos.

Cuidados a ter:

1. Antes da Ação:

Convidamos-te quer a refletires sobre os teus limites emocionais, físicos e legais antes da ação quer a cultivares e praticares empatia, coragem, escuta ativa e comunicação não violenta durante a ação. Convidamos-te igualmente a partilhares os teus limites com a tua buddy/grupo de afinidade tal como aprenderes os sinais e formas de lidar com os seus respetivos limites. Caso ainda não tenhas buddy/grupo aconselhamos-te a fazê-lo. Este garante uma estrutura de apoio e cuidado mútuo, assim como a tua presença no processo horizontal de tomada de decisões no espaço da ação. Fomentamos uma cultura regenerativa de bem estar e cuidado. Esta passa por cada pessoa praticar cuidados para consigo, para com outras, entre comunidades e para com a Terra.

2. Durante a Ação:

– Trazerem material para decorar o espaço;
– calls de comida, água, tendas, mantas etc – no momento podemos ir dando feedback 😊

3. Pós Ação:

– Para além dos eventos e avaliação apelar a que cada grupo de afinidade se junte num local seguro e fale sobre como se sentiram durante a ação, como se estão a sentir neste momento, se tiveram alguma represália, que necessidades têm e como se podem ajudar mutuamente.

Programa

Criaremos um espaço de rebelião aberto, seguro e nunca esquecendo o propósito da nossa presença. Contaremos com um programa direccionado para a urgência climática, outras causas sociais, mas também festivo. O curso da acção será decidido em conjunto, pelo plenário dos delegados e pelas activistas coordenadoras da acção.

Quando tivermos estabelecido a nossa presença, qualquer pessoa que subscreva os princípios e valores do Extinction Rebellion é convidada e bem-vinda ao espaço de Rebelião. O local exacto será divulgado em altura oportuna.

Aparece traz a tua tenda. Divulga. Traz a família, amigos e amigas. Junta-te à luta.

Amazonegócio

O XR Portugal foi hoje à sede do BNP Paribas em Portugal propor uma campanha publicitária honesta: este banco francês contribui com milhares de milhões de dólares para as principais empresas responsáveis pela desflorestação da Amazónia, e se fosse público esse facto?

A indústria financeira e a indústria da publicidade unem-se para esconder a realidade.

Continue reading “Amazonegócio”

Red Rebel Brigade Portugal

Ontem, 22 de Setembro de 2019 em Belém, Lisboa, aparecem pela primeira vez em Portugal a perfomance Red Rebels Brigade, associado ao movimento de desobediência civil pacífica Extinction Rebellion.

Juntam-se às centenas de grupos que se formaram em todo o globo e fazem performances silenciosas isoladamente ou em apoio a outras ações da Extinction Rebellion.

Continue reading “Red Rebel Brigade Portugal”

Apoio à Marcha de Mulheres Indígenas

No Dia Internacional dos Povos Indígenas, 9 de Agosto, a Extinction Rebellion Portugal saiu à rua para apoiar a 1ª Marcha de Mulheres Indígenas em Brasília.

Em frente ao Consulado-Geral do Brasil em Lisboa, um die-in recordou o (muito!) sangue indígena derrubado em nome do lucro e do extractivismo, exigindo o fim da chacina indígena, da desflorestação e da perda de biodiversidade, na Amazónia e em todo o lado.

Continue reading “Apoio à Marcha de Mulheres Indígenas”

Wrap-up: The Rebellion Week in Portugal in 10 Acts

The international rebellion week in Portugal consisted of 10 direct and non-violent actions that brought up seven themes (energy, transportation, food, political decisions, fashion, plastic and waste, and greenwashing), always focusing on our three claims: 1) That the governments tell the truth about the climate crisis; 2) A drastic reduction of the emissions of greenhouse gases trhough a massive mobilization of climate emergency and a just transition; and 3) Participative democracy.

Continue reading “Wrap-up: The Rebellion Week in Portugal in 10 Acts”

Wrap-up Portugal: Uma Semana de Rebelião em 10 actos

A Semana Internacional de Rebelião em Portugal contou com 10 acções directas não-violentas que abordaram sete temas (energia, transportes, alimentação, decisões políticas, moda, plástico e resíduos, e greenwashing), sempre com foco nas nossas três reivindicações: 1) Que os governos digam a verdade sobre a crise ecológica; 2) Redução drástica das emissões de gases de efeito de estufa através de uma mobilização massiva de emergência climática e uma transição justa; e 3) Democracia participativa.

Continue reading “Wrap-up Portugal: Uma Semana de Rebelião em 10 actos”

ACTO 10: Activistas bombardeiam primeiro-ministro com aviões de papel e exigem que diga a verdade sobre os impactos do aumento do tráfego aéreo.

“Mais aviões? Só a brincar!”
Precisamos dum plano B porque não há planeta B

Lamentamos estragar a vossa festa, mas o rio Tejo, aqui ao lado, a nossa cidade e as gerações futuras não têm nada para celebrar.

Continue reading “ACTO 10: Activistas bombardeiam primeiro-ministro com aviões de papel e exigem que diga a verdade sobre os impactos do aumento do tráfego aéreo.”